quarta-feira, 10 de junho de 2020

Mohamed Abdo - El Amaken



Música: El Amaken – Os Lugares
Letra: Mansour Al Shady
Melodia: Nasser Al Saleh
Cantor: Mohamed Abdo
Tradução: Khaled Emam
************************************  
Os Lugares

Todos os lugares sentam a sua falta
E os olhos que sua imagem foi desenhada nelas
E o carinho que carrega a minha alma e for até
você
Mas, tudo isso é eu meu amor

Os lugares...Os Lugares
Todos os lugares sentam a sua falta


Tudo ao meu redor me faz lembrar você
Até minha voz, meu sorriso para você
Se o mundo desapareceu, você nunca desaparecerá
Veja como estou, você que me abandona
Os lugares...Os lugares  
 Todos os
lugares sentam a sua falta

Os sentimentos em sua ausência..perdeu toda sua
voz
E as noites com suas feridas..até o silencio se
feriu
E o medo do momento que fere meu coração chegar
E todas minhas folhas do papel morrerá
Oh se souber meu amor
Como está sendo minha vida sem você
Rouba a vida e passa
Os lugares onde está os lugares

E meu coração desde que se for
Não sabe mais o gosto da segurança
Porque sempre quando vir, pergunto esse lugar
Ouço o passado dizendo...ouço o passado dizendo
Mas este sou eu meu amor
Os lugares...Os lugares
Todos os lugares sentam a sua falta


Os lugares que você passou por elas
Vive na minha alma
Mas não te encontrei
Venho antes do perfume se for
Ou até se perde no silencio
Esperava até o vento possa trazer o seu cheiro a
mim
Esperava que a saudade trazia você um pouco perto
de mim
Esperava...Esperava
E era ilusão
E não resta muito na vida..e te perdi
Os Lugares...Os lugares
Todos os lugares sentam a sua falta.


sexta-feira, 5 de junho de 2020

Amal Maher - Yama Azz Alaya Beadak آمال ماهر


Amal Maher - Yama Azz Alaya Beadak آمال ماهر

Música: Yama Azz Alaya Beadak
Cantora: Amal Maher
Tradução: Khaled Emam 
**************************  


E quanto a sua distância mexeu comigo
E quanto queria te ver novamente
A minha saudade me cansa, meu amor
Depois de você, ainda estou no mesmo lugar

E você que é distante, conte como está
Espero que esteja em seus pensamentos
Me diga mesmo com uma mensagem
Me acalme, como peço a calma de seus pensamentos

E quanto a sua distância mexeu comigo
E quanto queria te ver novamente
A minha saudade me cansa, meu amor
Depois de você, ainda estou no mesmo lugar
E você que é distante, conte como está
Espero que esteja em seus pensamentos
Me diga mesmo com uma mensagem
Me acalme, como peço a calma de seus pensamentos


Porque, esquecer seu amor..tenha carinho por ele
Porque, somente eu que senti saudades dele
Porque, esquecer seu amor..tenha carinho por ele
Porque, somente eu que senti saudades dele

E meu carinho desde tanta distância..esta
suportando


O quanto senti a distancia
Mesmo sem simples oi
Esperará o resto da vida
Mesmo que o tempo passa

A vida perto de você é um segundo
E o amor em sua ausência queima
E a noite com sua distância é uma vida
Sem pôr do sol


O quanto senti a distancia
Mesmo sem simples oi
Esperará o resto da vida
Mesmo que o tempo passa
A vida perto de você é um segundo
E o amor em sua ausência queima
E a noite com sua distância é uma vida
Sem pôr do sol

Porque, esquecer seu amor..tenha carinho por ele
Porque, somente eu que senti saudades dele
Porque, esquecer seu amor..tenha carinho por ele
Porque, somente eu que senti saudades dele
E meu carinho desde tanta distância..esta
suportando



Porque, esquecer seu amor..tenha carinho por ele
Porque, somente eu que senti saudades dele
Porque, esquecer seu amor..tenha carinho por ele
Porque, somente eu que senti saudades dele
E meu carinho desde tanta distância..esta
suportando

 


quarta-feira, 15 de abril de 2020

Mohammed Abdelwahab Han El Wed


محمدعبد الوهاب - هان الود عليه
Música: Han El Wed 
Poema: Ahmed Ramy
Composição e Canto: Mohamed Abdel Wahab 
Tradução: Khaled Emam 
***************************

Me disserem que não sentiu pena
E te esqueceu e deixou eu coração sozinho
Respondi e disse porque estão felizes
ela nunca se lembrou de mim para me esquecer.
Nunca lembrou de mim, para me esquecer

Eu amo, preservo meu amor, se estiver por perto ou se estiver
ausente
E continua alimentando a alma de esperança
E vejo sua agressividade e a solidão aumenta
Quem que minha vida se tronou assim com ele
Tinha lembrado de mim, para me esquecer
Porque porque porque   
Porque me questionam com o amor que carrego
Invés de questionar a paciência do meu coração carrega
Ela que encontrei as dores em seu amor
E não me perdoou mesmo que seja um dia
E nunca se importou por mim e cuidou de mim
E perdi o sono só, desde quando lembrou de mim, para me esquecer

Me deixa amara-la do meu jeito
E ver no seu amor, minhas alegrias e dores
Mesmo que se torna longo minha saudade, minha saudade dela
E mesmo que aumenta sua distancia e minhas lagrimas
Me faz chorar o dia seguinte.
Talvez amanhã se sente saudade, e lembra de mim
Para me esquecer.  



quarta-feira, 4 de março de 2020

Warda Al Jazaereia - Hikaiti Ma3a El Zaman


رائعة الفنانة الراحلة , وردة الجزائرية .. حكايتي مع الزمان كاملة للمزيد من الاغاني القديمة بنسخة اصلية .. كلمات : محمد حمزة الحان : الموسيقار بليغ حمدي


Música: Hikaiti Ma3a El Zaman
Cantora: Warda Al Jazaereia
Poema: Mohamed Hamza
Composição: Baligh Hamdy
Estilo: Clássico
Tradução: Khaled Emam
*********************************** 
Minha História, com a vida.
Era...
É Era..
Era chamado meu amor
Era..
É Era...
Era um dia o meu destino e era
Entreguei a vida a ele...uma viagem
Uma viagem se chama vida
E era

Eu...
Eu, aqui entre vocês
Aceitei as dores, até meu coração desmanchou
E nunca tive um dia feliz...eu

E Eu
Quanto tempo suportei
Me machuquei e não manifestei
E nunca num dia chorei dele para vocês...eu

Não é lamento algum que possa curar as feridas
Não é lamento algum que trazia de volta o que se for
Essa é minha história, com a vida
Com a vida.com a vida

Desenhou um paraíso no céu, e dia aqui vivemos
Disse que a minha vida se tornou bela
E na imaginação, construiu lindos castelos
Castelos de sonhos, dormi e fechei os olhos

Os dias passaram, acordei dos sonhos
Encontrei apenas dores a minha espera

E Eu...
Aqui entre vocês, sem saber de onde vou
E nem lembro de onde venho
O caminho me trouxe aqui...eu
E Eu
Quanto me suportei...eu
Lagrimas que não acabam e dores que jamais serão esquecidas
Mesmo se passaram milhares de anos..eu

Nem lamento que cura as feridas
Nem lamento que trazia o que se foi
Essa é a história com a vida.  






quarta-feira, 15 de janeiro de 2020

Hakim - El Ragel El Sah




Música: El Ragil El Sah – O Homem Correto
Cantor: Hakim
Estilo: Shaabi
Tradução: Khaled Emam
*****************************

A quem mostra uma cara, que não é sua
A verdade, um dia aparecerão
Em frente de você é de um jeito
Mas em suas costas, é uma serpente
Serpente

Eu digo ser homem, é caráter e não titulo
E nem porte físico e língua grande
E aquele que enriqueceu após de passar fome
Vai continuar a sua vida inteira com fome
Cansado
Com fome

O Homem correto e de caráter
É do berço e nunca muda
Nos momentos difíceis está ao seu lado ombro com ombro
Está ao seu lado te apoiando
Divide com você nas dores
Carrega com você suas dores

A nossa porta, já fechamos de cadeados
Não permite entrada de mau caráter
No caminho certo, caminhamos
E não caminhamos em caminhos tortos
E O traidor..cansado
É sumido..e cansado
E o homem correto de caráter
É do berço e não tem igual

Nos momentos difíceis, seu ombro lado do seu
Ao seu lado e te apoiando
Carrega com você suas dores
A quem atrai o nosso pão
Seu caminho não é o mesmo do nosso
Cansamos de tanta traição
De quem abrimos a eles o nosso lar
Oh meu fogo

Oh meu fogo de quem mentiram
Falta de caráter mesmo olhando em seus olhos
Aquém você estende a sua mão
Leva o que você tem e rasga
E esquece até que você foi o primeiro degrau que ele subiu
Oh meu ódio

O meu odeio de quem mentiram ah meu ódio
A pouca vergonha, olho no olho como não aconteceu nada
Pessoas cansamos por eles
Merecem cortar suas línguas
Desmascaramos e de menos
Não merecem e nem valem
Minha chama..meu ódio

Oh meu ódio da aqueles que mentiram  
Oh que ódio, obrigados olhar em seus olhos
E o homem honesto de caráter
É vem do berço e não tem igual










sexta-feira, 16 de agosto de 2019

Wael Jassar - Betlabak - وائل جسار - بتلبك





Wael Jassar – Batlabik
Letra: Munir Bu Assaf
Composição: Malham Abu Shedid
Tradução: Khaled Emam
****************************************

Batlabik – Me perco

1º Trecho: tempo 00:19 a 02:05

Essa ansiedade que não acaba
Se perca e se aumenta e nunca diminuía
Esse sentimento que vem de você
Em meus olhos você pode vê-lo
Essa a angustia que nunca termina
Te perde, aumenta e nunca diminua
E esse é o sentimento que você mostra
Em meus olhos você vê-lo

O frio pós ser aquecido
O atento após descaso
Esse que sinto em você
E no seu amor..vivo ele
Me perco..eu me perco  
Cada vez que me diz que ama

Tento te contar o que sinto
Mas as palavras fujam de mim
Oque repito varias vezes
Quando te vejo esqueço cada palavra
Me perco, eu me perco
Cada vez que me diz que ama
Tento te contar meu amor
Mas as palavras fujam de mim
Quando te vejo, esqueço tudo


2º Trecho: tempo 2:40 a 4:12

Essa vida que foi perdida
Percebemos que estamos perdendo e que não volta
Essa vida que foi perdida
Percebemos que estamos perdendo e que não volta
No dia que se for em minha vida
Você trouxe de volta
E sorriu a vida para mim
E senti que a vida está em minhas mãos
O meu coração sentiu a alma
Trouxe de volta, fez com que sentir vivo
Me perco, eu meu perco
Cada vez que me diz que ama
Tento mostrar meu amor
Mas as palavras fujam de mim
Oque repito por varias vezes  
Quando te vejo, esqueço totalmente
Essa ansiedade que não termina
Se perca e não termina
Essa é o sentimento que vem de você
Em meus olhos consegue vê-lo
O frio no meio do calor
O desperto no momento de perdição
Isso que sinto em você
E em seu amor..eu vivo nele. 






terça-feira, 9 de abril de 2019

Adonis - La Bel Haki


Tradução da música La Bel Haki
Trilha sonora da novela Órfãos da Terra
Banda Libanesa - Adonis
Crédito: sotrilhasonora2


quarta-feira, 6 de março de 2019

Moustafa Amar - Al Sood Oyouno

مصطفى قمر السود عيونه


Moustafa Amar
El Soud Ouyonou 
Traduão: Khaled Emam
*******************

Não aguento o seu amor

Não aguento suas feridas

Não aguento a sua chama, peço a perdão a Deus por você

Não aguento a sua chama, peço a perdão a Deus por você

Os olhos negros..os olhos negros..

Os olhos negros me enfeitiçaram

E noite do seu amor me perdi

E quando as nites roubaram meu sono

Disse o que faço


Presentei o presente mais caro

E roubei a estrela la de alto

Mas é isso meu coração, está escrito amar seus olhos negros

E acordei com as feridas do amor que fazem tempo

E aquém me jogou no amor, cansei de fazer a paz com ele


Não aguento o seu amor

Não aguento suas feridas

Não aguento a sua chama, peço a perdão a Deus por você

Não aguento a sua chama, peço a perdão a Deus por você


As uvas em sua bochecha, são doces

Quem se aproxima delas compraria

As uvas em sua bochecha são saborosas

Se aproximei dele quando experimentei

E quando me afastei dele, ele me chamou

Estou complatamente apaixonado meu Deus

E essa beleza me fez gostar dela

E senti a vontade quando voltou a mim e estender suas mãos

E acordei com as feridas do amor e a quem me jogou a fora

E a quem me jogou no amor, cansei de fazer a paz com ele


Não aguento o seu amor

Não aguento suas feridas

Não aguento a sua chama, peço a perdão a Deus por você

Não aguento a sua chama, peço a perdão a Deus por você

Os olhos negros..os olhos negros..

Os olhos negros me enfeitiçaram

E noite do seu amor me perdi

E quando as nites roubaram meu sono

Disse o que faço.




Khaled Emam 





sexta-feira, 3 de agosto de 2018

Hany Shaker - Ba'd Hobak هاني شاكر - بعد حبك




Música: Ba`d Hobak
Cantor: Hany Shaker
Tradução: Khaled Emam
*****************************

Após do seu amor
Após do seu amor, após o amor mais bonito que vivi com você
Meu amor
Após amor da vida inteira
Qualquer coração, que diz que conheceu o amor
Fico em silêncio e mostro sorriso
E digo a mim, melhor não digo nada

A vontade contar, uma frase apenas, da minha história com
você
Mas fico com medo que entender, que história dele, não é
história
Todas as histórias, não chega minutos com a minha história
Todas as palavras no amor, não chegam uma palavra que foi
dita a você
Meu amor...

Seu amor, jamais chegará após dele amor igual
Difícil ver lo, difícil sentir lo
Sim, com tudo que vi, posso dizer entre mim
Que você é o próprio amor         
A cada momento vivido com você
Até mesmo sem estar perto de mim
Você é o único amor, que tem
começo e não tem fim


Todas as histórias, não chegam segundos da história do seu
amor
Todas as palavras ditas no amor, não chega uma palavra dita
para você
Meu amor.



Fadl Shaker – Leh El Garh




Música: Leh El Garh
Cantor: Fadel Shaker
Tradução: Khaled Emam
*****************************
Porque a ferida do quem amamos, feri devagar
Porque a felicidade seguiu no caminho e eu no outro
Porque de tantas feridas fiquei, sem sentir nada
Porque sempre vivo do bem, e perdoe a quem traiu
Porque sempre digo que é destino, para poder culpá-lo

Porque eu sorria e as mãos segurando um dor, que tenho medo
que ser percebido
Encontro tanta gente, e todos são iguais
Tomara que eles sentiram a mim
A vida passa, mas, as pessoas e as lugares e as dias são mesmos
Naquele momento, quando a quem traiu volta
Pedindo perdão após de sofrer
Se voltamos a perdoar, ele volta e
nunca muda            
Porque não tem mais alguém, que
honra o que diz

Ele é do meu sangue, sua magoa,
também é minha
E me fere porque
Minha vida como fosse vela que
ilumina
Porque preocupo com ela
O momento da volta dela, é lamento
após de sofrer
Se voltamos a perdoar, ela volta como
e ela é
Porque não é mais alguém que honra
o que diz

Ela é do meu sangue, sua dor é
minha
E me machuca porque
Acendendo minha vida como vela,
para iluminar seu caminho
Encontro tanta gente, e todos são
iguais
E a vida passa, mas, as pessoas,
lugares, todos a mesma coisa.
Porque a ferida quando vem de quem
amamos
Feri bem devagar
Porque a felicidade caminhou numa
direção, e eu no outro
Porque de tanta dor, fiquei sem
sentir nada
Porque sempre vivo bonzinho,
e perdoa a quem traiu         
Porque digo que é destino,
para poder culpa-lo
Porque mostro sorriso e as
mãos segurando a dor com medo de ser percebido




Wael Kfoury - Sorna Soloh



Música: Sorna Soloh
Cantor: Wael Kfoury
Tradução: Khaled Emam
*****************************

A onde nos chegamos. Não tem perda ou lucro
Porque eu com você. Seremos apenas feridas
Você tem uma ideia, como é a dor
E você tem ideia quando souber, que a quem você ama, te
traiu

E como valorizar a vida, quando o amor te trai
Você tem ideia do como é a dor
E já soube oque significa a traição de quem amou
Como ia valorizar a vida, se o que viveu desvalorizou


Todas as feridas, dores, que vive com você
São para ser esquecidas, se conseguir te esquecer
E isso deixou para mim
A lagrima em meus olhos
E decidi te devolver isso

Oque passei, você também vai passar
Você tem ideia do como é a dor
E já soube o que significa a traição de quem amou
Como ia valorizar a vida, se o que viveu desvalorizou.





Najwa Karam - Ah Mnel Gharam



Música: Ah Menl Gharam
Cantora: Najwa Karam
Tradução: Khaled Emam
*****************************

Ah do Amor
E de quem experimenta o amor
Vejam como sofra
Vejam como se machuca
Dorme e não dorme
E Ah do amor..e de quem
experimenta o amor


Me transforma por simples palavra
Me faz esquecer meu próprio nome
E com a brisa do vento, me mande recado
Eu sofro..eu me machuco
Durmo e não durmo
E ah do amor e quem passa por ele
Como sofra, como machuca


 Eu o chamo do amado
Peça que traz de volta a minha calma
Ate durante as noites..que roubaram meu sono
E como sofremos, como se machucamos
E ah do amor e do quem passou por ele.



quarta-feira, 15 de novembro de 2017

Majda El Roumi - Kalimat





Música: Kalimat
Cantora: Majda El Roumi
Poema: Nizar Quibany
Composição: Ehssan El Monzir
Tradução: Khaled Emam




Tradução:
Me ouça...enquanto dançar comigo

Palavras não como todas as palavras

Me leva com meus braços

Me deixa num nevoeiro

(repetido).



E a chuva negra em meus olhos

Caia bancadas e bancadas

Me carrega com ele...me carrega

Para uma noite florida

E eu... como criança em sua mão

Como uma pena carregada pelo o vento

E carrega para mim sete luas em suas mãos

E um arranjo de canções


Me presenteia por um sol...me presenteia

Um verão...e pedaços de brisas

E me diz que sou a sua joia

E que vale mil estrelas

E traz um tesouro...traz

As mais lindas telas que eu já vi

Me faz ver coisas que encham meus olhos

Me faz esquecer a dança e os passos



Palavras que viram minha historia

Me faz sentir uma mulher em instante

Construa para mim um castelo de ilusões

Que somente moraria nele por apenas segundos

E volto...volto a minha realidade

Nada comigo... além de palavras.

Palavras...palavras.

Majda El Roumi

terça-feira, 24 de outubro de 2017

Hiba Tawaji - La Bidayi Wala Nihayi


هبة طوجي - لا بداية ولا نهاية


Musica: La Bedaya Wala Nihaya
Cantora: Hiba Tawaji
Poema: Mansour Rahbany
Composição: Michal Yegrand
Tradução: Khaled Emam 


Tradução:

Por que o verão do ano terminou tão rápido 

E se ternou tudo vermelho em volta 

E a mulher de cabelo vermelho sente como fosse fogo 

Nem começo, nem fim e o tempo passa estranho 

Como passa minhas ideias, um segundo brilha e outro desaparece 


Os pássaros vêm anunciando a chegada do inverno 

Rostos, nomes em minhas lembranças, porque estou lembrando.

A vida é um círculo que gira 

E a lua no céu girando 

O verão do ano vem enxergar a lua

Em noites claras ele aparece 

E acalmamos os ponteiros dos relógios, do medo que passa tão rápido 

Não tem força neste mundo que impede a força do vento 


Oh, pássaros que venham anunciando a chegada do inverno 

Rostos, nomes em minha mente, alguém me faz lembrar porque 

A vida é um círculo girando 

A lua no céu também 

Você perto de mim e eu perto de tu

Algo que nos aproxima, mas a versão acabou te diz 


As amentes escrevem seus nomes nas areias do mar 

Ouvindo comigo a voz do sino, é ouvido por todos os ouvidos 

Chamando alguém perdido, perdido sem fé 

O lugar da sua mão em meu ombro, me queima a tempo 

Talvez se mudasse de lugar, possa me acalmar e dormir

Estação do verão terminou, a cor vermelha tomou conta 

Sem começo e sem fim, e o tempo caminha estranhando 

E eu lembro e esqueço.

E quem consegue curar suas feridas. 


Homenagem:
          Essa música foi traduzida especialmente para a bailarina, Linda Hathor, foi apresentada no Gala Show do Hathor Festival 2017 - Curitiba.

Cantora: Hiba Tawaji

Imagem show de abertura Hathor Festival 2017 - Linda Hathor

quarta-feira, 16 de agosto de 2017

Majida El Roumi - Ebhath Aanni


ماجدة الرومي - ابحث عني

Música: Ebhas Anny
Cantora: Magda El Roumy
Composição: Abdo El Monzir

Tradução:

Me procura...me procura, estou em algum lugar
Se afogando...se afogando, e esperando a sua mão
Estou em algum lugar
Me sacudindo. Esperando seus olhos

Me procura...me procura, estou em algum lugar...
Chamando você e esperando a sua chegada
Estou, estou em algum lugar
Eu te amo..Eu te amo..Eu te amo.

Me presente o seu olhar, para que seja minha pátria
Minha pátria única
Ah, seus olhos..para ser a minha pátria
Minha única pátria
Contra a pátria de tudo mundo
Contra a pátria de todos

Me dá seu amor, me dá o seu amor
E não entro em guerra das guerras deles
E não chega a mim a notícia de paz  
Nunca..nunca..nunca

Ah, estende a sua mão
Meu amor, estende a sua mão
Por cima das verdades do universo
Meu amor..meu amor
Não entrei numa guerra deles
Eu te amo..te amo..te amo
Me procura..me procura.

Tradução:
Khaled Emam